Leia ouvindo essa música.
Olha, eu sou complicado.
Eu queria muito ter o dom de simplificar as coisas, mas isso realmente não é comigo. É particularmente difícil se conter e se controlar quando você tem muita coisa passando pela sua cabeça, quando tem muita coisa transbordando seu coração. Eu sempre fui assim, pra falar a verdade. Sempre sonhei demais, sempre senti demais. Nunca consegui achar um meio termo, sabe? Não consigo viver as coisas pela metade, sou muito intenso no que eu faço e principalmente no que eu sinto.
Essa intensidade claramente já me gerou problemas. Das vezes que eu tentei ser regrado acabei sendo frio demais, e isso machucou. Machucou porque eu não sou desse jeito, por mais que já tenha muitas vezes me deitado pedindo para Deus tirar minha capacidade de sentir, para me transformar num robô, meu coração não se sente á vontade simplesmente bombeando sangue para todo o meu corpo.
Tanta coisa já deve ter acontecido até o dia que a gente descobrir ser um do outro. Da minha parte tenho que admitir que muitas delas foram ruins, que meu coração foi baleado diversas vezes, algumas por mim mesmo. Foram tantas as vezes que eu me entreguei por inteiro para alguém que não estava disposta a me receber. Várias vezes me joguei nos braços de quem não iria me segurar, até que me joguei nos braços de Deus. Não ache que isso simplificou as coisas. Quando a gente conserta muito algo quebrado, essa coisa tende a se tornar mais frágil, mais sensível aos choques e batidas, e leva tempo até aceitarmos que devemos nos desfazer disso e pegar algo novo pra colocar no lugar.
Foi assim com o meu coração, com os meus planos, meus sonhos e, principalmente, com essa vontade cravada dentro de mim de te encontrar, minha Maria.
Não estou aqui para contar meus desamores e me fazer de coitado, muito pelo contrário. O que eu quero dizer com tudo isso é que Deus moldou meu coração pelo fogo e, por mais que grande parte esteja polida e forte como ferro, outras ainda estão incandescentes, ardendo, maleáveis, e são essas partes que às vezes machucam. São nessas partes que eu sou frágil, que eu choro, que eu me desgasto. São elas que eu vou querer esconder quando você perguntar mas pelas quais eu vou chorar e pedir seu colo, e peço que entenda e não me leve a mal quando eu pedir que simplesmente passe os dedos pelo meu cabelo e beije minha testa. Temos uma vida inteira para você navegar pelas minhas profundezas, mas preciso que o mar esteja calmo senão ambos afundaremos.
O amor machuca, muitas vezes, mas a solidão também. Para aqueles cujo coração Deus reservou a outra pessoa, a espera pode ter tempos bem duros de serem vividos. Desde que me decidi por esperar tem sido tempos difíceis. Parece que para cada coisa que eu deixava Deus transformar em mim, surgiam outras mil e isso me afogava. Era desesperador me entregar por inteiro e continuar cometendo os mesmo erros bobos, me distanciando cada vez mais desse sonho lindo de Deus que é você na minha vida. Mas eu só preciso que você saiba de uma coisa: desde o momento em que Ele colocou o desejo de te encontrar no meu coração, eu te amei.
Sabe, eu sempre ouço testemunhos contando que fizeram e entregaram para Deus uma listinha de características que queriam que sua Maria ou seu José tivesse, mas eu nunca me importei tanto com isso. Claro, eu conheço as coisas que me agradam em uma pessoa e dei um toque pra Ele que, se fosse possível, talvez um traço específico ou outro seria legal, mas, sinceramente, não sou eu quem tenho que pedir para Deus alguém que vá me agradar, e sim Ele quem vai escolher quem vai me ajudar a chegar ao céu! Eu sempre soube que nada adiantaria encontrar a pessoa perfeita se eu perdesse Aquele que é a própria perfeição.
Ah, minha Maria. Eu te amo independentemente de como ou quem você seja.
É até engraçado falar tudo isso pra você mesmo sem ainda saber quem é. Fico imaginando como vai ser ótimo poder segurar sua mão na estrada para o céu, ajoelhar contigo diante do Sacrário, olhar nos seus olhos enquanto você recebe a comunhão e saber, aqui no fundo do meu coração, que estou olhando para um dos dons mais preciosos que Deus me concedeu.
Tudo que eu peço é que tenha paciência com as minhas gracinhas, só faço elas para poder ver o seu sorriso que não cessa de me encantar; perdoe a minha falta de atenção, ás vezes eu posso me perder nos seus olhos; não desista de mim quando eu me esquecer de responder suas mensagens porque estava jogando e me abrace como se nunca fosse me soltar, como se fosse a última vez. Eu vou estar por perto sempre que você precisar. Vou enxugar suas lágrimas assim que elas escorrerem pelo seu rosto. Vou bagunçar seu cabelo pra você perceber que eu te acho a garota mais linda desse mundo e que você não precisa estar toda arrumada pra que eu ache isso. E, mais importante, se eu não for capaz de ser seu porto seguro, vou me esforçar para que Deus o seja. Serei sempre seu intercessor, seu anjo da guarda na forma humana, canal da graça para sua vida e nosso futuro lar.
Eu sei que quando chegar o dia a gente vai saber que as mãos tem o encaixe perfeito. Só não vai reparar minhas palavras sem jeito. E até lá, continuarei esperando, orando e te amando.
Seu José

20 Comentários

  1. Quanta preciosidade. Que lindo. Um pouco da minha vida nesse texto. Obrigado!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz por você ter se identificado :D Fique com Deus!

      Excluir
  2. Caroline Fernandes25 de outubro de 2016 23:21

    Choremos!! Lindíssimo <3

    ResponderExcluir
  3. Respostas
    1. Talvez seja o que toda guria, a menina que espera em Deus, quer ouvir, ainda existem homens de Deus, alguém que decidiu viver pra Deus, viver pra obra, sabendo que parte de nós é preenchido por Deus e a outra por um amor, um alguém, um José.Cremos que o grande dia chegará, QUANDO O GRANDE DIA CHEGAR ��, enquanto esperamos vamos fazendo a obra, até que venha José e passamos a fazer a obra juntos, porque tudo será pra glória de Deus.

      Excluir
    2. Talvez seja o que toda guria, a menina que espera em Deus, quer ouvir, ainda existem homens de Deus, alguém que decidiu viver pra Deus, viver pra obra, sabendo que parte de nós é preenchido por Deus e a outra por um amor, um alguém, um José.Cremos que o grande dia chegará, QUANDO O GRANDE DIA CHEGAR ��, enquanto esperamos vamos fazendo a obra, até que venha José e passamos a fazer a obra juntos, porque tudo será pra glória de Deus.

      Excluir
  4. Perfeito e quando o José aparece a gente entende porque nada deu certo antes!!!

    ResponderExcluir
  5. Perfeito e quando o José aparece a gente entende porque nada deu certo antes!!!

    ResponderExcluir
  6. Que texto maravilhoso!

    ResponderExcluir
  7. Nossa!!*super me identifiquei,a espera do namorado de Deus!!*

    ResponderExcluir